Desenvolvimento e Sustentabilidade

II Painel: Uso Sustentável da Terra, dos Recursos Minerais e Energéticos

Tema 1: Terra – Desenvolvimento e Sustentabilidade – Dr. Joseano Carvalho Dourado – UNITINS

Quarta e última palestra da tarde, como o título já fala, mas vamos aos conceitos:

Desenvolvimento sustentável (hoje em dia já não se usa mais falar assim) é um conceito sistêmico que se traduz num modelo de desenvolvimento global que incorpora os aspectos de desenvolvimento ambiental no modelo de desenvolvimento sócio-económico.

“Sustentabilidade é um conceito sistêmico, relacionado com a continuidade dos aspectos econômicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade humana.”

sustentabilidade

Estes, são baseados em critérios, social ( diminuição da exclusão social), cultural ( manitenção da diversidade cultural), ambiental (suporte dos ecossitemas), econômico (economicamente eficaz, gerido de modo a suportar as gerações futuras).

Existem vários problemas socio ambientais que devem ser lembrados, como o crescimento demográfico, pobreza, as mudanças climáticas, a desigualdade e o acesso à água. Algumas relações devem ter maior atenção, como a relação homem x natureza, os avanços tecnológicos e a qualidade de vida parecem caminhar juntos, mas se for analisar, o avanço tecnológico parece aumentar a qualidade de vida e faz o homem consumidor  e começa a precionar o suporte ecológico e volta a diminuir a qualidade de vida. Ou seja, é apenas uma mera ilusão.

O nosso cerrado amazônico é caracterizado por um clima tropical, sistema de drenagem bem distribuído e com principais rios perenes (rios que não secam), solos distróficos (baixa fertilidade) e uma predisposição para erosão.

Foram apresentados projetos futuros e m andamento aqui no Estado, como por exemplo do Projeto São João (no qual eu trabalho nele, monitorando a qualidade física da água da sub-bacia, com área de 5524 ha).

O Estado do Tocantins, para minha surpresa tem mais gado doque gente, são aproximadamente 7 cabeças de gado para cada pessoa (alguem está com as minhas.. rs). Isto gera degradação, não apenas isto, foram enumeradas algumas, como:

  • Desmatamento (agricultura, pastagens, urbanização – sim você também faz parte disto);
  • Superpastoreio e queimadas (destruição da cobertura vegetal);
  • Agricultura (uso de manejo inadequado);
  • Indústria (álcool e biodiesel).

Os impactos também foram citados, como o efeito estufa, provocado por termoelétricas, desmatamento e agricultura e pecuária (pumm). O Tocantins mesmo fica sempre entr e terceiro e quarto lugar no ranking dos maiores contribuidores para o efeito estufa, exclusivamente por causa das queimada.

Algumas dicas:

  • Uso racional da água na irrigação do solo (aptidão agrícola);
  • Fertirrigação ( uso de água residuária de escoamento sanitário);
  • Mudança da matroz energética brasileira (outras fontes produtivas como as bioenergias);
  • Esucação (chave do desenvolvimento – ferramenta indispensável).

Espero que tenham gostado das matérias, esta, esta e esta! Obrigada

____________

Nota do autor : 1 – Hoje, dia 05 de setembro é o  DIA DA AMAZÔNIA,  acho que estas matérias vieram em boa hora! Este dia, é comemorado nada mais, nada menos do que para relembrar as pessoas que a Amazônia precisa de cada um de nós. PRESERVE-A.

2 – Matéria relacionada ao III Simpósio “Amazônia: Desenvolvimento Sustentável e Mudanças Climáticas“.

Também achei justo, colocar a matéria na categoria 1/2AmbientDay.