Energia eólica é mais que o suficiente para o mundo

Colaborador: @VozdoAlem do Blog Nerds Somos Nozes.

eolica_a

Quando assisti no documentário Zeitgeist sobre os estudos com energia eólica, não acreditei de todo. Mesmo sabendo de lobbys das empresas de petróleos há décadas (tá bom, figura de linguagem, não sou tão velho assim). E não é só a indústria de petróleo que faz lobby no setor de energia), não imaginava que tudo ia a esse pé. E, de acordo com recente estudo, capitaneado pelos pesquisadores Xi Lu, Michael McElroy e Juha Kiviluoma.

A conclusão é que a energia eólica – e somente ela – pode abastecer o mundo todo! Nada de petróleo, energia nuclear, carvão… ou qualquer outro tipo de energia altamente impactante e cara. Para chegarem a essa conclusão, eles dividiram o mundo em áreas de 3.300 quilômetros quadrados e calcularam a velocidade do vento e o potencial energético dele de acordo com o número de turbinas que se pode colocar no lugar (excluiu-se oceanos, áreas habitadas, florestas e neve. Todo o resto, geralmente planícies, entrou no cálculo para receber turbinas geradoras de energia).

E os ventos podem fazer muito mais. A energia eólica pode fornecer cinco vezes mais  energia do que o consumido atualmente. Isso mesmo em países vampíricos energicamente, como os EUA e a China, sem a necessidade de intercâmbios e vendas de energias entre países.

Isso SOMENTE a energia eólica. Existem muitas outras formas de energia, como a que utiliza as ondas para movimentar turbinas. Basta se querer parar de afetar o meio ambiente e utilizar para isso altos custos financeiros e materiais.