Publicação científica de conservação amplia fator de impacto no Brasil

Revista N&C

Revista Natureza & Conservação é uma das quatro mais influentes no país; Reconhecimento foi divulgado pelo Journal Citation Reports

Clique na imagem e seja direcionado à Revista.

Clique na imagem e seja direcionado à Revista.

A revista Natureza & Conservação, periódico voltado para publicação de artigos sobre conservação da natureza, acaba de ser reconhecida como um das quatro publicações com maior fator de impacto no Brasil (IF=1.327), considerando todas as áreas do conhecimento como educação, direito e medicina. A publicação foi criada pela Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza e, atualmente, é editada, com apoio dessa instituição, pela Associação Brasileira de Ciência Ecológica e Conservação (ABECO).

“Esse resultado reflete a qualidade da pesquisa científica voltada à conservação desenvolvida no país. Além disso, mobiliza a academia para o tema, mostrando que temos uma publicação à altura das internacionais”, afirma Malu Nunes, diretora executiva da Fundação Grupo Boticário.

Segundo ela, no país com a maior biodiversidade do mundo, caso do Brasil, é lógico que se tenham pesquisas de relevância mundial. “Esses estudos permitem que conheçamos melhor a extensa fauna e flora do país, apontando áreas prioritárias para conservação e orientando políticas públicas. Dessa forma, a revista oferece uma plataforma para apresentar ao mundo essas importantes iniciativas”, explica Malu.

O primeiro volume de 2015 foi divulgado em julho e contém 15 novos artigos sobre temas como crise hídrica, estratégias de manejo em áreas protegidas, impactos de espécies invasoras e efetividade das unidades de conservação (UCs) no Cerrado. Essa edição está disponível gratuitamente no site  www.naturezaeconservacao.com.br.

Fonte: Fundação Grupo O Boticário