7 dicas para visitar áreas protegidas e garantir sua segurança

Ao visitar áreas protegidas, é importante ser cauteloso e respeitoso. Veja aqui como ser cuidadoso e garantir sua segurança também!

Se você quer aproveitar as férias para visitar áreas protegidas, é importante se atentar a alguns cuidados. Assim, você protege o ambiente e ainda garante a sua segurança, e de quem está junto. E não importa qual será o seu destino, o Brasil oferece muitos parques naturais e cada um deles possuem regras. Mas, mesmo com regulamentações diferentes, existem aquelas que devem ser seguidas por todos e em cada um dos espaços naturais. Confira!

Imagem de Caico Caico por Pixabay

Como visitar uma área protegida de forma segura e respeitosa

Parques e outras áreas protegidas passaram a receber mais turistas após a declaração da ONU sobre 2017 ser o Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento. Mas, para que o local fique preservado, é importante se atentar a algumas regras, que podem variar conforme cada um. Essas regras existem como forma de conservar o meio ambiente e a biodiversidade. Assim, além da contemplação e exploração, de forma segura, muitos outros poderão aprender muito sobre a flora, fauna e a história local. No Brasil existem muitos parques que oferecem atividades para os visitantes, mas cada um segue as orientações, de forma com que as atrações não prejudiquem o lugar. Se você vai visitá-los, anote algumas dicas!

1. Dirija com atenção

Conforme o lugar que você visitará, as reservas e parques podem não ter ruas e estradas pavimentadas e sinalizadas, como nas rodovias. Então, redobre a atenção para evitar uma batida de carro. Além disso, o trajeto pode ser por pedra, terra e até mesmo cascalho. Portanto, verifique qual o tipo de veículo é o mais adequado e não ultrapasse a velocidade máxima, já que locais assim podem ter animais atravessando.

2. Faça pesquisas e consultas

Antes de ir, consulte o site oficial a fim de obter informações sobre o lugar e sobre o mapa para não errar a rota. Já no local, sempre que precisar, consulte o guarda para sanar dúvidas, pedir informações ou denunciar. Lembre-se de que você também é responsável por preservar o ambiente natural, de forma a deixá-lo para gerações futuras.

3. Cuide dos animais

Lembre-se sempre de que você é a visita nos parques e os animais os moradores. Portanto, respeite o espaço deles, já que estão em sua casa. Além disso, mantenha distância segura dos animais e não dê alimentos. Saiba que muitos alimentos, inclusive frutas, podem fazer mal aos bichos, especialmente se você já mordeu um pedaço.

4. Verifique sobre as regras de camping

Se pretende acampar nas áreas protegidas, saiba que o camping pode não estar liberado em todos os acessos. Portanto, se informe sobre as áreas autorizadas para montar a sua barraca. Aproveite e peça informações sobre limite de som, água potável e outras necessidades.

5. Recolha seu lixo

Parece uma dica comum e que nem precisava estar listada aqui. Mas, muitas pessoas ainda não possuem essa consciência e acabam deixando seu lixo para trás. A maioria dos parques contam com recipientes para lixo e, em alguns casos, podem não estar tão próximos, o que não significa abandoná-los em qualquer lugar. Recolha-os e guarde até chegar a uma lixeira. Para isso, tenha sempre uma sacola.

6. Cuidado com fogo

Se você fuma ou vai acender fogueira, se informe sobre os locais permitidos e, ainda assim, tome muito cuidado para não causar um incêndio. Especialmente em épocas de seca, uma simples faísca pode incendiar a mata. Portanto, apague e descarte corretamente as suas bitucas de cigarro, não deixe garrafas de vidro jogadas (podem funcionar como lupa e causar incêndio) e apague completamente a fogueira.

7. Não leve nada com você

A menos que seja o seu lixo, não leve nada do parque com você, como mudas, pedras, flores, entre outros. Conforme for, o objeto que você tirou para levar como lembrança pode mudar o ecossistema. Aproveite e fotografe, se divirta e acumule lembranças pelas fotos e experiência que teve ao visitar uma área protegida.

Parques nacionais para visitar

No Brasil existem muitos parques nacionais abertos à visitação. E eles são verdadeiras maravilhas naturais, recheados de atividades em meio a natureza. Mas, para mantê-los belos assim, é importante preservá-los, seguindo as regras do lugar. Aqui você encontra alguns dos que foram transformados em Parques Nacionais ou unidades de conservação. Veja!

Parque Nacional da Serra do Cipó

Conhecida como Jardim do Brasil, a Serra do Cipó fica em Minas Gerais e é dona de uma das maiores riquezas naturais do mundo. Conta com cânions, cachoeiras, trilhas, escaladas, cavernas e rios e vasta fauna.

Parque Nacional do Caparaó

Localizado entre o Espírito Santo e Minas Gerais, está entre os principais destinos para montanhistas. Oferece muitas trilhas, mirantes, piscinas naturais e cachoeiras, além de contar com excelente estrutura. Como destaque, o Pico da Bandeira.

Parque Nacional Serra da Bocaina

O Parque fica entre São Paulo e o Rio de Janeiro e chama atenção dos turistas aventureiros. Ele oferece trilha curta até praias desertas, cachoeira, trekking para kiking e outros. Esses são os principais cuidados que você deve ter ao visitar áreas protegidas. Cuide bem delas, garanta a sua segurança e aproveite suas férias em 2021!

Escrito por Andreia Silveira do site Smartia.com.br

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do Portal VivoVerde, nascida e residente de Minaçu/GO e há 12 anos escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduada em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultor, ministra treinamentos nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @VivoVerde | Instagram: @DaianeVV | 063999990294

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.