Conheça a Amanita Muscaria – VivoVermelho

Essa noite sonhei com amanitas…

Representação de A. Muscaria em desenhos infantis.

Amanita Muscaria é um fungo proveniente de clima boreal, temperado. Especificamente do Hemisfério Norte.
Costumamos ver muitas amanitas em enfeites de jardins, desenhos e cartões de natal. Certamente A. Muscaria é o fungo mais ilustrado pela humanidade.

Cartões de Natal

Como o inverno está chegando e poucos são os que conhecem, resolvi criar esse post.

Tal fungo esteve muito presente na evolução humana, tanto em povos asiáticos, como em tradições nórdicas . Assim como tendo usos xamânicos por toda a região européia. Encontrados também no Japão, Norte da Europa, Índia e America Central. Também presente na cultura Persa.

Alguns fatos interessantes:

O pesquisador Robert Gordon Wasson sugeriu que o cogumelo estivesse relacionado ao Soma, bebida sagrada dos Vedas. Os mais antigos textos religiosos. Tal bebida é citada nos hinos do Rigveda escritos por volta de 1.500 A.C. (Wiki)

Na Sibéria o fungo foi muito utilizado por xamãs tribais. Segundo a tradição pagã, em todo solsticio de inverno os xamãs penduravam chapéus secos de amanitas ao pescoço e destribuiam para a população. Entrando pelas saídas de fumaça das casas. Daí se vem a ideia do surgimento do bom velhinho Santa Claus.

Outro ponto interessante é que as renas adoram comer amanitas (não apenas as siberianas). Outra tradição desses povos era alimentar as renas com A. Muscaria para que ficassem mais fortes e resistentes.
Como a substância de princípio ativo muscimol permanece intacta na urina de quem consumir o fungo, é possível se reciclar o uso. E também atrair renas.

Amanita Muscaria é um fungo que trabalha em simbiose com árvores coniferas através de micorrizas. O micélio todo se desenvolve e também serve como um filtro de metais pesados para o solo, além do processo de simbiose.

O fungo veio para o Brasil junto com sementes de pinus importadas para reflorestamento. No inverno é possível encontrar o cogumelo em toda região Sul do país. Sendo também encontrado em outros estados como São Paulo e Minas Gerais.

Amanita Muscaria

Amanita Muscaria

Atenção: Venenoso, não indicado para consumo! O consumo de Amanita Muscaria requer um grande conhecimento do preparador para tratar o veneno!

10 comentários em “Conheça a Amanita Muscaria – VivoVermelho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.