Parque Nacional da Tijuca recebe 300 mudas de árvores em ação de plantio do “Instituto Conhecer para Conservar”

A ação em parceria com a Prefeitura do Rio é aberta ao público e acontece no dia 1º de junho, em comemoração à Semana Mundial do Meio Ambiente

Foto: Divulgação

Os quase quatro mil hectares de floresta do Parque Nacional da Tijuca (PNT) são um símbolo de que quando a sociedade se mobiliza, é possível salvar a natureza. Dando continuidade ao processo de reflorestamento iniciado há dois séculos, voluntários se reúnem no próximo sábado, 1º de junho, a partir das 9h, no casarão do Parque Lage, para o plantio de 300 mudas de árvores nativas da Mata Atlântica. As inscrições são limitadas e devem ser feitas pelo link: https://bitly.com/PlantioICC

O evento promovido pelo Instituto Conhecer para Conservar, do Grupo Cataratas, tem parceria com a Prefeitura do Rio e dos Escoteiros do Brasil, em comemoração às ações da Semana Mundial do Meio Ambiente que acontecem em todos os ativos da empresa (Parques Nacionais do Iguaçu, Marinho de Fernando de Noronha, AquaRio, RioZoo e outros). Todas as iniciativas têm vínculo com o tema da ONU deste ano, que propõe ações de combate à poluição atmosférica.

“Todos os ecossistemas estão interligados, então, cada ação de conservação, de recuperação que fazemos, gera impacto positivo, quer seja na qualidade do ar ou na conservação das espécies. O Parque Nacional da Tijuca realiza um importante serviço ambiental para a qualidade do ar que respiramos, portanto, manter essa floresta incrível saudável é responsabilidade de toda a sociedade”, enfatiza Fernando Sousa, diretor Institucional e de Sustentabilidade do Grupo Cataratas.

Desde que assumiu a concessão de Paineiras Corcovado, em 2016, o Grupo Cataratas realizou o plantio de mais de duas mil mudas em ações de reflorestamento do Parque Nacional da Tijuca.

No sábado, serão plantadas mudas das seguintes espécies: Pau-rei (Basiloxylon brasilienses), Cutieira (Joanesia princeps), Pau d’alho (Gallesia intergrifolia), Paineira (Ceiba speciosa), Aldrago (Pterocarpus violaceous), Carrapeta catiguá (Trichilia silvatica), Mamão jaracatiá (Jacaratia spinosa) e Embiruçu (Pseudobombax grandiflorum). Metade das mudas foram doadas pela Prefeitura do Rio, através da Secretaria do Meio Ambiente.

SERVIÇO:  Ação de plantio no Parque Nacional da Tijuca   
Quando: Sábado, 1º de junho de 2019  
Horário: A partir das 9h  
Ponto de Encontro: Casarão do Parque Lage  

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do #VivoVerde, mora em Palmas/TO há 15 anos e há 11 escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduanda em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultora nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @DaianeVV | Instagram: @DaianeVV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.