Quais são as praias mais sujas do Brasil?

 

Outro dia postei uma foto no Facebook de uma praia onde estive no fim de semana. E de lá veio a “Que praia suja é essa?” , quase deletei a foto. E foi daí que surgiu a discussão. Fiquei pensando que só as praias do meu estado estivessem assim: Improprias para o banho.

Todos nós sabemos da importância da preservação do meio ambiente, mas ainda assim algumas pessoas insistem em desobedecer e desacreditar de todas as consequências geradas por qualquer tipo de poluição. Jogar um simples papel de bala no chão pode ajudar a causar um grande problema com o passar o tempo.

Até mesmo as praias sofrem com este tipo de ato e isso esta ficando cada dia mais comum. Muitas praias no Brasil e no mundo já estão quase totalmente poluídas, impróprias para o banho de mar e tudo isso se dá pela falta de responsabilidade de alguns indivíduos. Veja a seguir uma galeria com exemplos de praias sujas no Brasil:

Segundo a Erin Mizuta editara e colunista da revista mundo estranho: “O mar não tá pra peixe”

~~

vver.de/cz ~~~ Preciso da ajuda de vocês!! Responda o questionário para nos ajudar a conhecer você, leitor! – Obrigada desde já!

~~

Veja quais são as praias que apresentaram os piores resultados em cada estado

Alagoas

Dois trechos estavam impróprios em 100% das avaliações do ano passado: praia de Maragogi (em Maragogi), em frente à foz do rio Persinunga, e praia da Jatiúca (em Maceió), em frente ao Hotel Jatiúca

Amapá

O pior ponto fica na praia de Perpétuo Socorro, na capital Macapá, avaliada como imprópria em 80% das análises

Bahia

O pior trecho no conjunto de medições de 2006 fica em Salvador, na praia Pedra Furada, atrás do Hospital Sagrada Família – impróprio em 68% das avaliações

Ceará e Pará

Ceará e Pará foram os únicos que não forneceram dados das suas praias até o fechamento desta edição

Espírito Santo

O único trecho de praia impróprio em 100% das análises fica na praia de Jacaraípe, em Serra

Maranhão

Em 2006 não houve monitoramento das praias maranhenses

Paraíba

A pior avaliação ficou com a praia do Maceió, em Pitimbu, imprópria em 62% dos boletins de avaliação

Paraná

Sete praias foram avaliadas como impróprias em 100% das medições no verão de 2006. São elas: Ponta da Pita e Rio do Nunes (em Antonina); Nhundiquara e Marumbi (em Morretes); Direita do Trapiche (na praia das Encantadas, em Paranaguá); Rua do Camping (em Matinhos); Direita do Córrego (Prainha, em Guaratuba)

Pernambuco

O trecho mais sujo fica na praia do Farol, em Olinda, na esquina da rua do Farol com a rua Farias Neves Sobrinho. Todas as 47 avaliações no local consideraram-na imprópria

Piauí

Nenhuma praia foi considerada imprópria

Rio de Janeiro

27 trechos de praias do estado foram considerados impróprios em mais de 50% das análises do ano passado. Mas a campeã em quantidade de coliformes fecais é a praia de Botafogo, na zona sul da capital

Rio G. do Norte

A praia mais poluída é o balneário Pium, em Parnamirim, avaliado como imprópria em 43 das 44 avaliações de 2006

Rio G. do Sul

Oito trechos estavam impróprios em mais da metade das avaliações. Seis deles ficam na cidade de Pelotas, um em Cidreira e um em Torres

Santa Catarina

15 trechos de praias foram considerados impróprios em 100% das avaliações de 2006. Nove são em Florianópolis: Matadouro, José Mendes, Jardim Atlântico, Bom Abrigo, Ponta das Canas, Balneário, Beira-mar Norte, Armação do Pântano Sul e lagoa da Conceição (em dois pontos)

São Paulo

A pior avaliação do litoral paulista ficou com a praia de Gonzaguinha, em São Vicente (96% de avaliações impróprias no último levantamento divulgado)

Sergipe

Três trechos de praias foram avaliados como impróprios em todas as análises: praia do Bairro Industrial e 13 de julho, em Aracaju, e praia do Siri, em Nossa Senhora do Socorro

Thiego Reis

Thiego é um pesquisador e um observador do progresso tecnológico da humanidade. Ele também é um entusiasta do pensamento humano e um defensor do ambiente amigável de energia alternativa.

Um comentário em “Quais são as praias mais sujas do Brasil?

  • 30 de março de 2012 em 8:52
    Permalink

    Pouca vergonha isso ae…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.