Terphane inicia comercialização dos filmes biodegradáveis da linha “Ecophane”

O principal diferencial desta linha de produtos é a biodegradação em ambiente de aterro sanitário.

Terphane, líder em filmes PET (poliéster) na América Latina e um importante player mundial, iniciou a comercialização dos filmes biodegradáveis da linha Ecophane. O material está alinhado a uma demanda crescente do mercado global por soluções de embalagem mais sustentáveis. Lançada em 2019, a linha Ecophane é dividida em duas famílias de produtos: filmes BOPET com no mínimo 30% de PCR (PET reciclado pós consumo) em sua composição e os filmes biodegradáveis.

Como explica Marcos Vieira, Diretor de P&D Global da Terphane, a decomposição do Ecophane biodegradável ocorre em aterros sanitários, transformando-se em um fertilizante natural. O filme se degrada completamente num período médio de 04 anos, sempre em condições anaeróbicas. O material já foi aprovado para contato com alimentos e foi desenvolvido de acordo com a norma ASTM D5511 (norma de teste de avaliação da biodegradação em aterro sanitário).

Vieira lembra ainda que “os aditivos utilizados no Ecophane biodegradável são 100% orgânicos, compostos por matérias-primas não tóxicas. A propriedade de biodegradabilidade está ligada à estrutura química do polímero”.

“Este material foi criado e desenhado pensando no mercado brasileiro, onde a maior parte do descarte de embalagens acontece em aterros sanitários. E esta linha foi desenvolvida para se degradar nesse ambiente. Portanto, esta é uma solução muito alinhada à demanda atual por soluções sustentáveis de embalagem”, completa José Ricardo Sorbile, Gerente Nacional de Vendas da Terphane.

“A linha Ecophane é o resultado de extensivas pesquisas e muita tecnologia de ponta aplicada ao seu desenvolvimento.” Esta expertise tecnológica resultou em mais de 10 tipos de filmes da linha Ecophane, com conteúdo reciclado e biodegradáveis, disponíveis para as mais diversas aplicações. Vale lembrar que no Brasil, o poliéster é a única resina que, após reciclada, pode ser usada na produção de novas embalagens, inclusive para contato com alimentos.

“O desenvolvimento da linha Ecophane não vai ao encontro apenas das métricas de sustentabilidade estabelecidas pela Terphane. Esta linha atende a uma busca dos brand owners que querem associar suas marcas e produtos a embalagens cada vez mais sustentáveis”, completa José Ricardo. A Terphane estabeleceu como prioridades em sua jornada de sustentabilidade, ações ambientalmente, socialmente e economicamente positivas em suas plantas, produtos e na comunidade.

Por serem mais leves, naturalmente as embalagens flexíveis reduzem os impactos ambientais e oferecem vantagens significativas para o armazenamento e transporte dos produtos. “Definitivamente as embalagens flexíveis estão na vanguarda de uma agenda cada vez mais exigente, a das ‘embalagens sustentáveis’. Embora ainda existam alguns entraves na cadeia da reciclagem, a embalagem flexível é a que mais se aproxima da ‘escolha perfeita’ em termos de solução mais sustentável disponível no mercado. E os novos filmes Ecophane surgem para fechar este circuito ao utilizarem uma boa parte das embalagens descartadas pós consumo e poderem ser novamente reciclados ou serem biodegradáveis”, atesta José Ricardo.

Por Liliam Benzi

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do #VivoVerde, atualmente mora em Campinorte/GO, mas por 15 anos foi uma apaixonada residente de Palmas/TO e há 11 escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduada em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultora e ministra treinamentos nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @VivoVerde | Instagram: @DaianeVV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.