Zurich firma parceria com o Origens Brasil® em projeto que valoriza a biodiversidade da região Amazônica

Projeto visa a incentivar a produção e negócios a partir da diversidade biológica no bioma, e permitirá beneficiar milhares de indígenas e populações tradicionais por meio da promoção do mercado ético entre produtores e consumidores.

Foto: Luiz Cunha

A Zurich no Brasil e a e Z Zurich Foundation (entidade do Zurich Insurance Group que se dedica a investimentos em projetos comunitários) acaba de estabelecer apoio ao Origens Brasil®, rede de articulação multissetorial concebido pelo IMAFLORA (Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola) e pelo Instituto Socioambiental (ISA), que viabiliza negócios sustentáveis na Floresta Amazônica.

A parceria consiste num projeto em que, durante três anos, a Zurich ajudará o Origens Brasil® a criar condições de mudar para melhor a forma como 3 mil produtores fazem negócios com mais de 30 empresas de maneira cada vez mais ética e transparente. Os produtos são provenientes da sociobiodiversidade brasileira e devem ajudar indiretamente cerca de 15 mil indígenas de populações tradicionais da Floresta Amazônica, gerando uma receita de R$ 11 milhões. Os itens que eles produzem são variados: vão de alimentos, como castanha e geleias, a borrachas e óleos, entre outros.

De acordo com o diretor Executivo de Estratégia, Marketing e Inovação da Zurich no Brasil, Rodrigo Barros, o Origens Brasil® está em plena consonância com a política de negócio socialmente responsável da Zurich, já que visa a promover a conservação, uso sustentável dos recursos naturais e a geração de benefícios sociais nos setores florestal e agrícola do Amazonas. “O Origens Brasil® conta com a contrapartida e doações do Fundo Amazônia (Governos da Noruega e Alemanha) e Evolz (holding administrada pelo Texas Pacific Group – TPG Capital). A colaboração da Zurich está em linha com a estratégia de apoiar a rede para evitar a dependência exclusiva de um único financiador, a fim de manter a sustentabilidade da iniciativa e aumentar os impactos positivos na Floresta Amazônica”, explica.

Segundo Rodrigo, com a melhoria da qualidade de vida por meio da produção e comercialização diferenciada de produtos florestais, aqueles povos permanecerão em suas terras, preservando sua cultura e patrimônio, com melhor qualidade de moradia e oferecendo perspectivas às gerações atuais e futuras. “Além disso, o projeto promove a equidade de gênero, já que, dos cerca de 1,8 mil produtores membros da rede, a maioria, 56%, são mulheres”, comemora.

A Zurich tem a ambição de ser uma das empresas mais responsáveis e de maior impacto do mundo, e entende que as corporações estão cada vez mais sendo avaliadas pelas suas iniciativas sustentáveis, principalmente pelas gerações mais jovens, engajadas com causas que contribuam para um mundo melhor para todos. “Promover a geração de renda, a partir da comercialização de produtos da biodiversidade da região Amazônica, mantendo a floresta em pé, constitui-se numa das mais eficazes alternativas, uma vez que combinam a prevenção com o desmatamento e a fixação dos povos da floresta em suas terras. Assim, por meio da parceria da Zurich com o Origens®, populações tradicionais e povos indígenas daquele bioma serão beneficiados”, finaliza o executivo.

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do Portal VivoVerde, nascida e residente de Minaçu/GO e há 12 anos escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduada em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultor, ministra treinamentos nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @VivoVerde | Instagram: @DaianeVV | 063999990294

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.