#VVPergunta – O trabalho de relatar e fotografar o cotidiano da mata

Há 10 anos na Serra da Cantareira, em plena Mata Atlântica, Malouh Gualberto se considera uma “Eco Lambe-lambe Digital”.
Começou realmente a se dedicar às ecofotos aos 49 anos, na Amazônia em Gurupá Norte do Pará, onde no Projeto Beleza Pura de Inclusão Social ,onde era responsável pelos registros fotográficos de pesquisa. Teve aí, as primeiras fotos publicadas.
De volta á São Paulo, continuou este trabalho cotidianamente, na Serra da Cantareira, por não encontrar quase nada retratado sobre a Mata Atlântica desta região. Se revela, então, sua grande paixão pela ecofofografia. As primeiras fotos foram feitas em forma de retratos do povo local e do projeto social que desenvolvia e registrava voluntariamente junto a Odilon.

Continue lendo…