Enquanto isto na estrada…

Fonte

Um dia destes, em uma viagem de vistoria e conversando com um motorista, ele me disse que já havia acompanhado um pesquisador que estava catalogando animais mortos na estrada, me recordo que em um percurso pequeno (de uns 30 quilômetros) eles haviam identificado mais de 30 animais, a maioria répteis e também mamíferos… ao ver esta tirinha, me recordei! Me lembrei também da quantidade de Tamanduás que morrem na BR-153 (ou Belém-Brasília)…

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do #VivoVerde, mora em Palmas/TO há 15 anos e há 11 escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduanda em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultora nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @DaianeVV | Instagram: @DaianeVV

2 comentários em “Enquanto isto na estrada…

  • 1 de dezembro de 2011 em 17:07
    Permalink

    O saudoso eng. José Lutzenberger disse: -“As estradas se transforma em compridos cemitérios asfaltados!” Triste!

  • 1 de dezembro de 2011 em 17:18
    Permalink

    É triste e mais… tenho que concordar com isto! Infelizmente =/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.