o aquecimento global é uma realidade

1

Há alguns dias atrás eu apresentei no Vivo Verde uma matéria de apresentação do Seminário Regional de Mudanças Climáticas que iria ocorrer aqui em Palmas/TO e hoje (10/08) eu compareci ao evento. Deu início as 9 da manhã com as palavras do representante da Sra. Ivone Valente que é Secretária Nacional da Defesa Civil.

Foi uma abertura breve, com as principais mudanças no clima que houve no Brasil, como a pior seca registrada em algumas décadas no ano de 2005, com incêndios florestais, inundações e desastres, diminuição da precipitação hídrica, alguns tornados que considera-se que em Santa Catarina daqui há alguns anos isto se torne mais frequente, aceleração de processos de desertificação e ainda a busca de se ter maior atuação das autoridades na atuação nas causas das mudanças climáticas.

aquecimento

Logo após foi a vez da palestra da Dra. Maria Valverde do CPTEC/INPE, sobre Mudanças Climáticas. Ela foi bem pragmática e tranquila em suas palavras, sem maiores alarmes, além daqueles que a maioria das pessoas ( a maioria que estava lá já entende isto) já esperavam. Apresentou os programas do IPCC (2007), em mostrar a influência humana nas mudanças climáticas e compilar estas informações gerando cenários. Além de ratificar que as mudanças estariam acontecendo diariamente. Mostrou os três relatórios do IPCC (Fevereiro, abril e maio) que apresentavam a avaliação científica do aquecimento, os impactos gerados, e a mitigação das mudanças climáticas. Justificando a contribuição macissa que o homem tem com a ligação cm o efeito estufa.

Lembou-se que as pessoas começaram a ter uma visão para esta problemática a pouco tempo, no qual houve uma concientização, mesmo que pequena, doque estava acontecendo para pessoas que nunca tinham se quer escutado falar sobre ist, mas que sentiam na pele (desculpe o trocadilho) os efeitos.

Foram apresentados vários gráficos ( 1850-2008) e tópicos, mostrando as anomalias da temperatura (tendência de elevação), precipitação, concentração de aeros (gases do efeito estufa), uso indiscriminado da queima de combustíveis fósseis .

Com uma comprovação:

“O aquecimento global é uma realidade”

Esta foi uma de suas falas. Durante este pequeno tempo da chegada do IPCC, houveram grandes avanços de seus modelos, uma evolução significativa, – mas com poucos estudos reportados ou feitos na América Sul.

Uma coisa que eu – Daiane – gosto de lembrar é que as mudanças climáticas não são ára daqui 100, 500, 1000 anos, mas sim os momentos presentes já sentem estas diferenças. Em sua palestra María Valverde relembrou muito bem isto, lembrando dos noticiários das mídias (jornais, revista e web) acontecimentos que marcaram, como o furação Catrina no Sul no ano de 2004, a seca de 2005 na Amazônia, enchentes em Floranópolis em 2008 e as chuvas torrenciais/fortes no outono deste ano no Nordeste.

Segundo pesquisas apresentadas a região Norte e Nordeste de nosso país são/serão as regiões mais vulneráveis com as mudanças do clima. O aquecimento vai existor e o inverno vais er mais quene, a precipitação tente a aumentar e nos períodos de seca a precipitação a diminuir. Quanto ao futuro de nossos biomas brasileiros, o que mais preocupa é que entre 2000-2100 a tendência é que a floresta amazônica vire savana ou seja:

“Não teria mais Amazônia em 2100”

– Talvez você até pense que ainda falte muito tempo, mas se pensar na idade geológica da Terra, este espaço de 100 anos é quse NADA!-

Até lá, haverá um aumento na frequência de dias secos consecutivos, ou seja, maior número de dias secos, menor umidade relativa do ar, maior número de cados de doenças respiratórias também. Aém de chuvas intenças e noites ainda mais quentes.

Existe um Índice Rx1day, que é o acumulado máximo de precipitação em um dia em eventos de La Ninã, para 6 locais da região Norte e Nordeste.

Bem, eventos como estes que vocês viram nesta matéria vão continuar acontecendo tanto para quem acredita ou não nas mudanças climáticas!!!

PS: Não tenho fotos do evento aqui comigo porque estava com o celular, e as imagens não ficaram muito boas, mas logo procuro boas fotos e posto no meu twitter.

_____________

Matéria publicada na coluna “Contagem regressiva pra o fim do mundo” no Blog Suspensa. Para ler outras matérias CLIQUE AQUI.