A importância de preservar os oceanos

O modo como a população tem lidado com o meio ambiente está causando sérios problemas, principalmente para os oceanos.

Para você ter uma ideia da gravidade do problema, mais de 25 milhões de toneladas de lixo são despejados nos mares todos os anos. 80% desse lixo é fabricado nas cidades, resultado da má gestão de resíduos sólidos implementada no país.

Cenário preocupante, não é mesmo? E se eu te dissesse que essa problemática que assola o país a muito tempo resulta na morte de 100 mil animais marinhos por ano, você acreditaria? Pois é, a situação não é nada favorável e preocupa.

Então, pensando em todos os problemas recorrentes, diversos métodos e ações de combate a poluição dos oceanos foram traçados e você pode contribuir com isso. Que tal aprender um pouco mais agora e aplicar isso na sua rotina? Vamos lá?

Participe das reciclagens e abra mão de plásticos

Os tradicionais plásticos são, hoje, os materiais mais despejados no oceano. Para você ter uma noção da quantidade que chega no mar todos os anos, estima-se que até 2050 haverá mais plástico do que peixe no ambiente marítimo.

Só existe um jeito dessa previsão não se concretizar: abrir mão de materiais que são compostos por plástico.

É simples, evite usar sacolas e garrafas plásticas, e prefira itens com poucas embalagens. Em caso de utilização, recicle. Um material pode ser reutilizado diversas vezes e, com isso um tipo de material plástico a menos é despejado no oceano.

Uma empresa de reciclagem de eletrônicos, circuito impresso ou de aluguel de empilhadeira muito provavelmente utiliza plásticos em grande proporção. Imagine, agora, esses empreendimentos adotando medidas sustentáveis de reutilização e corte desses materiais? A melhora seria considerável.

Diminua o uso do carro e racionalize a água

Você deve estar se perguntando o que o uso de carros impacta nos oceanos. É basicamente um efeito em cadeia: a queima de combustíveis acelera o aquecimento global.

Com o aquecimento global intensificado, as águas do oceano esquentam e, com isso, a vida marítima sofrem grandes alterações.

Opte por meios mais orgânicos como bicicleta. Mas, se você trabalha longe de casa, tenha como alternativa os transportes públicos. Um carro a menos na rua já tem efeito na atmosfera.

Agora, falando em água, é importante que o uso seja consciente e racionalizado. Todo mundo sabe que o desperdício de água impacta diretamente.A única forma de melhorar esse cenário é racionalizando.

Utilize produtos que não contam com a exploração de animais marítimos

A pesca e caça de animais marinhos é uma questão tão séria que, se continuarmos neste ritmo desenfreado, muito provavelmente mais de 17% das espécies marinhas não existirão em 2100. Parece longe, mas o efeito é gradativo ano após ano.

Busque fugir de objetos e roupas que se apropriam de animais marinhos como colares e bijuterias no geral. Você pode ser moderna e chique sem se apropriar de nenhuma espécie.

São inúmeras as possibilidades de manter o ambiente saudável. Se seguirmos todas as dicas dadas neste post, além de outras que podem surgir com o tempo, podemos salvar o oceanos e seus animais. Incentivando a ecologia, estaremos valorizando a vida.

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do #VivoVerde, atualmente mora em Campinorte/GO, mas por 15 anos foi uma apaixonada residente de Palmas/TO e há 11 escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduada em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultora e ministra treinamentos nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @VivoVerde | Instagram: @DaianeVV

Um comentário em “A importância de preservar os oceanos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.