Vivo cria movimento sustentável para recolher mais de 9 toneladas de resíduos eletrônicos

Como marca líder do setor de telecom no país e comprometida com a sustentabilidade, reforça iniciativa para engajar a sociedade na reciclagem do lixo eletrônico.

woman taking photo of mountain
Photo by Gotta Be Worth It on Pexels.com

Empresa neutra em carbono e comprometida em gerar impacto positivo no meio ambiente, a Vivo lança um movimento para estimular o consumo consciente e  a sustentabilidade. Na campanha Recicle com a Vivo, lançada esta semana, a marca convida a sociedade a refletir sobre as ações necessárias para tornar o mundo mais sustentável e incentiva o descarte correto do lixo eletrônico, que pode ser feito diretamente nas lojas da Vivo. Com o mote “A Vivo cuida do seu lixo eletrônico e juntos cuidamos do meio ambiente”, a marca quer engajar o consumidor a fazer parte desse movimento, ampliando a destinação correta e a reciclagem de materiais como aparelhos de celular, cabos, tablets e notebooks no Brasil. Segundo o relatório The Global E-waste Monitor 2020 da ONU, o Brasil foi o quinto país que mais produziu lixo eletrônico em 2019, ficando atrás apenas da China, EUA, Índia e Japão.

“Como marca comprometida com a sustentabilidade e conectada a assuntos relevantes e atuais, queremos envolver os consumidores e engajá-los na reciclagem de resíduo eletrônico, que é de grande relevância para o planeta”, revela a diretora de Imagem e Comunicação da Vivo, Marina Daineze. Em 2019, as lixeiras do programa Recicle com a Vivo receberam o equivalente a 113 mil itens eletrônicos, entre celulares, cabos e baterias. Com esse novo projeto, o objetivo é ampliar em pelo menos 20% este volume em 2021, fortalecendo as iniciativas da Vivo voltadas ao consumo responsável. 

O movimento será apresentado ao público em uma nova campanha que convida as pessoas a participar dessa iniciativa e mostra como o descarte consciente e correto pode ser acessível em todas as lojas Vivo. A novas lixeiras estarão presentes nas lojas em todo o Brasil com uma nova identidade visual para o programa “Recicle com a Vivo”. Ações com influenciadores e grupos de afinidade nas redes sociais também fazem parte da estratégia de divulgação. Toda a identidade visual do movimento é uma criação da agência Africa. Confira aqui o link do filme.

A Vivo foi pioneira no setor a implantar, ainda em 2006, um programa de logística reversa, o Recicle com a Vivo, e oferecer aos clientes e não clientes a coleta e destinação de equipamentos eletrônicos que estão sem uso. Por meio da iniciativa, a empresa mantém pontos de coleta disponíveis em lojas e revendas em todo o País e dá aos consumidores a opção pelo consumo responsável. Desde que foi implantado, o programa já recolheu quase 5 milhões de itens, sendo mais de um milhão de celulares e garantiu a destinação adequada de 111 toneladas de resíduos, que voltam para a cadeia produtiva sob a forma de matéria prima para produção de equipamentos como novos cabos e baterias.

“O movimento pela economia circular ganha ainda mais relevância à medida em que o consumo aumenta e os recursos naturais tornam-se cada vez mais escassos”, afirma a executiva de Sustentabilidade da Vivo, Joanes Ribas. “Como empresa atuante em Governança Ambiental, Social e Corporativa, a Vivo cumpre seu papel de forma eficiente na cadeia produtiva e alinhada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS)”, revela a executiva. O valor que resulta da reciclagem do lixo eletrônico é destinado à Fundação Telefônica Vivo, que desenvolve projetos de formação e fluência digital voltados para educadores e alunos. 

time for change sign with led light
Photo by Alexas Fotos on Pexels.com

Como Funciona o Descarte 

Em todas as lojas da Vivo é possível encontrar lixeiras identificadas para o descarte de resíduo eletrônico. Qualquer pessoa, sendo ou não cliente Vivo, pode descartar cabos, celulares, baterias e carregadores que não utiliza mais. A operadora recomenda que antes de deixar seu smartphone, o consumidor remova o SIMCARD e todos os dados pessoais do aparelho, como mensagens, fotos e vídeos, garantindo assim a privacidade dos seus dados. Clientes dos serviços de banda larga e TV por assinatura também podem levar às lojas Vivo equipamentos como modem/roteador e decodificadores. Neste caso, é necessário preencher um Termo de Devolução junto ao Consultor de Venda na loja. https://www.vivo.com.br/para-voce/ajuda/resolva-agora/devolucao-de-equipamentos

Processo de Reciclagem

Smartphones, carregadores e baterias depositados nas lixeiras especiais são coletados empresa especializada certificada, a GM&C, que faz a coleta, transporte armazenagem, separação materiais, como metais ferrosos, não ferrosos, baterias, vidros e plásticos, de acordo com a legislação ambiental. Na fábrica de reciclagem, os materiais são transformados em matéria prima para serem novamente inseridos na cadeia produtiva.  

Vale destacar que os equipamentos são 100% reciclados e nada vai para aterro. O que não é aproveitado para produção vira fonte de energia para a indústria. Todo o processo e parceiros são auditados e homologados em atendimento às normas e legislações ambientais. No caso de modens e decodificadores, os operadores de logística da Vivo recolhem o material, que passa por uma avaliação minuciosa do equipamento, para que ele seja higienizado e possa voltar a proporcionar conexão em outra casa. Caso não estejam em condições de reuso, estes itens também são destinados à reciclagem.

Outras iniciativas

A Vivo mantém ainda diferentes iniciativas de estímulo ao consumo responsável para permitir aos clientes e não-clientes uma experiência cada vez mais sustentável dentro das lojas e ao consumir produtos e serviços da operadora. 

Vivo Renova – No programa Vivo Renova, clientes que querem trocar seu aparelho em bom estado por modelos mais novos podem optar pelo programa que oferece descontos em smartphones mediante a entrega do aparelho usado. Em 2019 foram recolhidas neste programa 16,7 toneladas de aparelhos, o equivalente a 114,5 mil itens. Desde o início do projeto em 2013, quase 300 mil celulares foram substituídos, um total de 41,60 toneladas. Os aparelhos em bom estado são recondicionados e comercializados por empresa parceira no mercado de usados. Dessa forma, a Vivo amplia o acesso dos clientes às novas tecnologias e dá ao equipamento usado uma destinação adequada.

Selo Ecorating para smartphones  – A Vivo foi pioneira em trazer para o Brasil o selo EcoRating, que classifica com uma nota de 0 a 5 o impacto ambiental dos smartphones considerando mais de 100 critérios socioambientais. A avaliação, desenvolvida pela ONG Forum for The Future, do Reino Unido, disponibiliza aos clientes uma opção  de compra mais sustentável. Atualmente, a Vivo possui mais de 130 modelos de aparelho com o selo EcoRating em seu portfólio.  

Acessórios Sustentáveis – Da mesma forma, a Vivo oferece produtos sustentáveis no segmento de acessórios, que vão desde capinhas biodegradáveis para smartphones, feitas a partir de resíduos de materiais naturais como cascas de cebola e cenoura, serragem, aveia e terra, que se decompõem na natureza em até 1 ano após o descarte –, até soluções inteligentes que auxiliam no consumo de energia elétrica, como plugues e adaptadores de tomada inteligentes, smart lâmpadas wi-fi, controle remoto smart. Eles permitem que o cliente acione ou desligue os equipamentos de sua casa de qualquer lugar, via aplicativo instalado no smartphone.

Venda Sustentável e Conta Digital – A Vivo também oferece aos clientes a Venda Sustentável, na qual os contratos são assinados de forma digital por meio de tablets. Os clientes podem acessá-lo a qualquer instante pelo app Meu Vivo ou ainda recebê-lo por e-mail. Da mesma forma, a Vivo incentiva que o cliente opte por receber sua fatura na opção Conta Digital, o que reduz drasticamente o consumo de papel e ainda pode resultar em bônus de internet no celular dos clientes. As lojas da Vivo também já trabalham com o sistema de Paper Less, com vitrines digitais para comunicar as ofertas dispensando, o uso de papel na positivação, folders ou contratos.

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do Portal VivoVerde, nascida e residente de Minaçu/GO e há 12 anos escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduada em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultor, ministra treinamentos nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @VivoVerde | Instagram: @DaianeVV | 063999990294

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.