“Queimadas: Um Problema Coletivo” dá continuação na série “Os Desafios da Qualidade do Ar no Brasil”

A série de três webinars “Os Desafios da Qualidade do Ar” promovida pelo WRI Brasil em parceria com o Instituto Clima e Sociedade (iCS) para incentivar o debate público em torno da alta concentração de poluentes atmosféricos locais, trazendo à luz a urgência do Brasil em aderir à economia de baixo carbono, abordará em seu segundo webinar o tema “QUEIMADAS: UM PROBLEMA COLETIVO”, na próxima quarta-feira (7/10), das 15h30 às 17h.

Além da evidente perda de biomas, as queimadas aumentam a emissão de poluentes no ar, afetando o clima como um todo, a água e a agricultura. A saúde das populações locais também fica comprometida, o que aumenta enormemente os custos sociais e econômicos. Para entender a dimensão do problema e os entraves locais para a adoção da economia verde, foram convidados Ane Alencar (diretora de Ciência do IPAM Amazônia), Carlos Nobre (cientista e pesquisador do clima e de mudanças climáticas) e Socorro Neri (prefeita de Rio Branco – uma das cidades mais atingidas pelas queimadas na região Norte).

“Os Desafios da Qualidade do Ar no Brasil” finalizará no dia 21/10 (quarta-feira), das 11h às 12h30, com “O AR (POLUÍDO) QUE RESPIRAMOS”. A série traz especialistas do setor público e privado que são reconhecidamente referências em suas áreas de atividade. Faça sua inscrição, acesse o link aqui.

Daiane Santana

Daiane Santana é a idealizadora do Portal VivoVerde, nascida e residente de Minaçu/GO e há 12 anos escreve neste site. Formada em Engenharia Ambiental, pela UFT – Universidade Federal do Tocantins, pós-graduada em Gestão de Recursos Hídricos e Segurança do Trabalho. Atua como consultor, ministra treinamentos nas áreas de meio ambiente, segurança do trabalho e está a disposição do mercado de trabalho. Contato: contato@vivoverde.com.br | daiane@vivoverde.com.br | Twitter - @VivoVerde | Instagram: @DaianeVV | 063999990294

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.